Exclusivo!

Vereador é multado e devolverá mais de 13 mil à Câmara de Heliópolis

Giomar Evangelista recebeu subsídios indevidamente e vai ter que devolver  Bem que ele poderia ficar calado, mas, boquirroto e falastrã...

Novidade

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Ildinho convoca Sessão Extraordinária

Cansado de ver o jogo de enrolação do atual presidente da Câmara Municipal de Heliópolis, o prefeito Ildefonso Andrade Fonseca convocou Sessão Extraordinária para a próxima sexta-feira (25), com o fim exclusivo de analisar Projeto de Lei em caráter de Urgência Urgentíssima, que trata de ampliação de suplementação orçamentária, dos atuais 20% para 60%. Ainda não se ouviu do vereador Giomar Evangelista a confirmação da sessão. Não seria surpresa se o edil ignorasse o pleito do alcaide.
Nas últimas duas sessões, o presidente da Câmara Municipal rasgou o Regimento e faz o que bem entende. O normal seria que ele colocasse em votação o pedido de urgência. Uma vez aprovado, iria direto para discussão no Plenário, dispensando Parecer das comissões pertinentes. Caso fosse rejeitado, deveria o projeto ser encaminhado às comissões da casa para exarar Parecer. Giomar simplesmente não fez nada. Perguntado os motivos da não colocação do projeto na pauta da última sessão (segunda-feira – 21), o vereador disse que encaminhou o projeto ao setor Jurídico. Ou Giomar Evangelista é completamente incompetente, ou se comporta como um inocente útil ou está disposto a atrapalhar a administração municipal.
Ainda provando que não está nem aí para o regimento, Giomar também não colocou o Projeto da suplementação em pauta, mesmo após ter sido aprovado um Requerimento da bancada governista com a solicitação. Em outras épocas, gritava o vereador sobre a soberaneidade do Plenário, querendo atropelar etapas, mesmo com a pauta trancada. Agora, que não tem nenhum projeto como impedimento, a voz do Plenário não vale mais, a maioria foi desconsiderada. Assim nascem os tiranos, os falsos líderes forjados na cansativa frase do “aqui quem manda sou eu!”. O vereador Giomar Evangelista é uma piada pronta, acometido da síndrome do decadentismo político e do despotismo inoportuno.
Justiça lenta
A maior contribuição aos desmandos do presidente do Legislativo Municipal não são seus aliados. Estes apenas jogam lenha na fogueira para ver o “amigo” se queimar e torcem para sobrar uma vaga para eles neste difícil jogo político. Quem mais contribui é a lentidão da Justiça. Os processos contra o atual presidente já deveriam ter sido julgados e, talvez, as sentenças despertassem nele o senso de responsabilidade para com o município. Ser presidente de um poder não é usar o cargo para vinganças ou picuinhas políticas. Há uma coisa maior e superior: o bem-estar do povo de Heliópolis. Nem a Justiça de Cícero Dantas decide, nem Giomar toma juízo. Para piorar, corre notícia de que a Drª Itana Eça, Juíza substituta da Comarca de Cícero Dantas, está de malas prontas. Será que a magistrada vai decidir algo antes da viagem?
Nova chapa
Como o prefeito Ildinho está liderando as pesquisas de opinião, não é surpresa haver mudança toda hora nos nomes da chapa da oposição. É uma tática perigosa porque um nome nunca ganha musculatura. Se tivessem insistido no nome de Giomar Evangelista desde o início, aposto que os índices de aceitação estariam mais generosos. Depois de lançarem o vereador Mendonça, agora falam em outros nomes. Desta vez assume a ponta o vice-prefeito Gama Neves. Ele formaria chapa com Adilson de Aroaldo. Será que agora vai?
Manoel do Tijuco
Surgiu um boato do apoio do vereador José Mendonça ao candidato Manoel do Tijuco, caso Mendonça fosse para a chapa majoritária. Embora duvidoso, o apoio poderia garantir a eleição de Manoel, já que Mendonça é sempre bem votado no Tijuco. Se for verdade o boato da desistência do vereador em ser candidato a prefeito, Manoel poderá amargar novamente uma suplência. Os prognósticos indicam que não haverá repetição da boa votação obtida pelo PC do B na última eleição. A única esperança de Manoel será que o povo do Tijuco resolva voltar a ter um representante do lugar na Câmara.
Jorge Sousa
O jornalista Jorge Souza resolveu entrar na disputa por uma das cinco vagas do Conselho Tutelar de Heliópolis. Em plena campanha, Tio Jorge, como gosta de ser chamado, quer mudar um pouco o ritmo do Conselho. Quer mais atuação, mais dinamismo. “A coisa está muita parada, Tio. Vou botar lenha na fogueira.”, afirma. Ao todo são doze concorrentes e a eleição será dia 4 de outubro. O número de Jorge Souza é 05.
Contas de Ana Dalva
 O Tribunal de Contas dos Municípios aprovou com ressalvas, na sessão desta terça-feira (22/09), as contas das Câmaras de Abaíra, Heliópolis, Igrapiúna e Ouriçangas, da responsabilidade de Aliomar Souza Pina, Ana Dalva Batista Reis, Jerônimo da Conceição e Antônio Dias Marques, respectivamente, relativas ao exercício de 2014. Os relatores imputaram multa de R$ 600,00 ao presidente do Legislativo de Igrapiúna e de R$ 1.000,00 ao de Heliópolis. Já o gestor de Abaíra terá que restituir aos cofres municipais, com recursos pessoais, o montante de R$ 2.430,00, referente à quantia paga a maior aos vereadores. O responsável pelas contas de Ouriçangas não foi multado. Cabe recurso da decisão.