Exclusivo!

Rede com nova direção na Bahia

Os novos dirigentes da Rede na Bahia (foto: Landisvalth Lima) O partido Rede Sustentabilidade elegeu neste domingo (10) a sua nova com...

Novidade

domingo, 15 de janeiro de 2012

PT rompe com o PCdoB


Membros do PT de Juazeiro festejando rompimento com Isaac Carvalho

     Durante reunião na tarde deste sábado (14) a maioria dos diretorianos do PT – Partido dos Trabalhadores em Juazeiro - decidiu que a legenda deveria sair do governo do prefeito Isaac Carvalho. A reunião convocada por um terço dos membros do diretório começou de forma conturbada e foi necessária a presença de uma viatura da polícia militar para garantir a tranquilidade da votação que decidiu pela saída da administração municipal. Dos 35 membros que compõem o diretório municipal do PT, 22 votaram pela saída do governo. A presidente do partido no município Josimeire Pinheiro “a presidência apenas atendeu o chamamento de um terço do diretório e cumpriu a pauta solicitada pelos seus membros de forma democrática. Agora vamos levar a decisão ao conhecimento da direção estadual e nacional do partido”, explicou Josimeire. Sobre os cargos que são ocupados por petistas na gestão Isaac Carvalho, a presidente informou que em breve uma reunião discutirá o assunto.
     O vereador Leonardo Bandeira que já fazia oposição ao prefeito Isaac Carvalho esclareceu que agora vai ficar mais a vontade para realizar o seu trabalho na Câmara Municipal. “O PT está apenas endossando o que já pensa a maioria da população juazeirense que não está nada satisfeita com essa desastrada administração. As únicas obras existentes são do governo do estado e do governo federal. O exemplo de abandono desse governo é o bairro de Piranga completamente destruído, sujo e esburacado. Com essa decisão vamos nos reunir com os partidos aliados e começar a trabalhar um novo projeto para Juazeiro”, ressaltou Leonardo. Sobre a presença da polícia na sede do PT, foram apresentadas duas versões à reportagem do blog: A primeira delas, oriunda da presidente Josimeire Pinheiro, destaca que a PM foi chamada por que os petistas aliados do prefeito Isaac Carvalho estavam impedindo uma diretoriana de adentrar a sede do partido para conceder o seu voto. A segunda versão, que partiu de Josenaldo Cícero (Naldinho do Quidé), Bento e outros membros da legenda, dá conta de que a polícia foi chamada para impedir o acesso dos diretorianos que se posicionavam contrários à saída do governo municipal. Esta decisão, por certo, acirrará ainda mais a queda de braço existente hoje entre o deputado federal Joseph Bandeira e seus seguidores com o presidente do partido no Estado, Jonas Paulo e membros do partido que ocupam cargos na administração municipal.
     Informações do BLOG do GERALDO JOSÉ.