Exclusivo!

Poucas & boas 2017.1

Brasil sem honoris causa! O título de Lula foi além do que devia (foto: Marlene Bergamo/Folhapress) Sem conseguir derrubar na Justiça...

Novidade

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

A Bahia continua sendo dos privilegiados

                                                              Landisvalth Lima
Artêmio Santos na UTI da saúde caótica
Ainda estamos longe daquele estado forjado para trabalhar em benefício do povo. Na Bahia ainda temos privilegiados tratados de modo especialíssimo. E trago aqui dois fatos para provar como ainda não há tratamento igual para todos na nossa terra. O primeiro foi um acidente de moto ocorrido na estrada de Fátima à BA 393. Artêmio Santos, filho do artista plástico Neném – José Ilson – sofreu violenta queda e está em coma na UTI do Hospital Santa Teresa em Ribeira do Pombal. O carona da moto, Aluisio, está fora de perigo. Ambos são estudantes do Colégio Estadual José Dantas de Souza, em Heliópolis. Artêmio teve traumatismo craniano e tem dois coágulos no cérebro, além de fratura. Tem que ser operado urgentemente por um neurocirurgião em Salvador. O acidente foi no final de semana e até o fechamento desta reportagem ainda não havia conseguido vaga numa UTI na capital, ou onde quer que tenha. A saúde na Bahia sempre foi um caos porque as providências na área visam sempre projetos eleitorais. Não há um planejamento para ampliação do sistema a partir das necessidades e do crescimento da população. Tudo é lento, improvisado, caótico, quando é para beneficiar o povo.
Jaques Wagner com pensão vitalícia
Entretanto, a Bahia trata bem os poderosos. Esta semana, sem alarde, sem debates calorosos e sem mais delongas, os deputados estaduais baianos aprovaram, por unanimidade, uma emenda que estabelece que todo ex-governador do Estado que tenha ficado quatro anos consecutivos ou cinco intercalados terá direito a pensão vitalícia no mesmo valor da remuneração que recebia durante o mandato. Com a decisão, o atual governador Jaques Wagner (PT) – que deixa o cargo em 2015 – continuará a ganhar, mensalmente, R$ 19,3 mil. O artigo 104-A foi votado após Bruno Reis (PRP) assinar a dispensa de formalidade pela oposição. Durante a discussão do texto, o deputado Carlos Geilson (PTN) alfinetou os parlamentares da situação ao sugerir: “É a aposentadoria de Wagner, vamos traduzir”. Contudo, o presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Nilo (PDT) alegou que, como o benefício é retroativo, os ex-governadores como César Borges (sem partido) e Paulo Souto (DEM) também receberão pensão vitalícia. O deputado Euclides Fernandes (PDT) chegou a questionar se um parlamentar poderia propor um projeto que gerasse despesas para o Estado, mas Nilo argumentou que por se tratar de uma emenda, não de um Projeto de Lei, não haveria o que se questionar. “É soberana”, definiu. O líder da oposição na Assembleia, Carlos Gaban (DEM), defendeu o texto ao avaliar que “o momento é inoportuno, mas a causa é nobre” e sugeriu que os deputados eleitos para 2015 criem um projeto que garanta a segurança de ex-gestores do Executivo Estadual a ser fornecida pelo Estado. Segundo a emenda aprovada nesta terça, caso o ex-governador beneficiado morra, sua esposa passa a receber o valor conforme determina a constituição. Enquanto isso, um professor tem que trabalhar 30 anos em média para ter direito a, por sorte, dez por cento disso. Claro, depois de lutar, votar e torcer pela vitória de muitos governadores e deputados!
Reunião do DEM com PCdoB
Paulo Souto: pensão vitalícia

Uma fonte revelou ao Landisvalth Blog que a oposição já fechou questão sobre duas coisas: eleição da mesa da Câmara e chapa para 2016. Tudo indica que Mendonça ou Doriedson formará a cabeça da chapa da oposição. O quinto voto será garantido pelo vice-prefeito Gama Neves. Valdelício Gama (PSD) garantirá a vitória da oposição. Eles descartam o apoio a Ana Dalva e não contam com o voto dela. Para 2016 ainda não há nomes, mas dizem que será aquele que estiver em melhores condições populares. Estão na lista o vereador Giomar, o vice-prefeito Gama Neves, Valdir do Bujão e o vereador Mendonça. O grande teste será a votação do Orçamento na sessão da próxima segunda-feira. E se a eleição ficar para 2018? Isso não foi discutido.
Só com renúncia
Cesar Borges: pensão vitalícia
Há pessoas que não secam mesmo depois da tempestade. Um membro da família do ex-prefeito Zé do Sertão vive a espalhar nas redes sociais que ele não assumirá a Câmara Municipal se a vereadora Ana Dalva pedir licença para assumir alguma secretaria, caso não seja reeleita para a presidência do legislativo. Ele só assumirá se ela renunciar ao cargo de vereadora. Só que o ex esquece que, em caso de licença, se o 1ª suplente não assumir perde a vaga definitivamente. Outra coisa que não estão levando em consideração é que Ana Dalva ainda não disse que assumiria nenhuma secretaria e o prefeito ainda não formulou nenhum convite nesse sentido. Como em política sim pode ser não, parece que tem gente maluca para exercer algum mandato urgente!
Educação em movimento
Estes dias prometem ser de pleno movimento na área da educação. Nesta quarta-feira (26) foi nomeado o novo diretor do Colégio Estadual José Dantas de Sousa, professor Bruno Cardoso. Ele ficará no cargo até março. Como não houve eleições diretas este ano, o cargo voltará a ter indicação política e Ildinho vai entrar na área. Nesta quinta-feira (27) haverá mais uma rodada de reuniões para construção do Plano Municipal de Educação – PME. O professor José Quelton, secretário municipal de educação, informa aos participantes que o encontro será na sala de reuniões da Secretaria Municipal de Educação, a partir das 19 horas. Na próxima semana, o CEJDS realizará dois eventos: a Feira de Ciências, com o tema em torno do Golpe Militar de 64, e os Jogos Escolares Internos. A coordenação geral é do professor Adilson Nobre.