Exclusivo!

Rede com nova direção na Bahia

Os novos dirigentes da Rede na Bahia (foto: Landisvalth Lima) O partido Rede Sustentabilidade elegeu neste domingo (10) a sua nova com...

Novidade

sábado, 13 de agosto de 2011

Mãe vende a virgindade da filha a um ex-prefeito

Uma estudante da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), de 18 anos, acusa a própria mãe de vender a sua virgindade a um ex-prefeito da cidade de Nuporanga, a 373 quilômetros de São Paulo. O suposto estupro teria ocorrido no dia 8 de julho deste ano, em um canavial, durante as férias escolares. A jovem aguardou o retorno das aulas para contar o episódio a funcionárias da Apae. A queixa foi registrada na última quinta-feira (11) na Delegacia de Defesa da Mulher de Franca, a 400 km da capital paulista, onde a possível vítima se apresentou com a avó, Maria Camila Ferreira Alves, 66, e duas assistentes sociais da instituição de ensino. No depoimento, ela relatou ter sido violentada após fazer compras em um supermercado com a mãe e o político. Ao chegarem em casa, no carro do ex-gestor, a genitora teria saído do veículo com as compras e falado para o homem “aqui está a sua encomenda”. Como prova, ela apresentou um vestido manchado de sangue. A garota passou por um exame de corpo de delito para comprovar a violência, mas o laudo ainda não ficou pronto. O resultado do exame de DNA deve demorar três meses. Conforme a delegada Graciela de Lourdes David Ambrósio, o relato da jovem, que foi entrevistada por uma psicóloga, é coerente.
          Informações do Bahia Notícias e da Folha de São Paulo.