Novidade

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Professores paralisam atividades

           Professores das redes municipal de Salvador e estadual de ensino suspenderam as atividades nesta quarta-feira (6), por 24 horas, em quase todo o estado. A paralisação integra as manifestações pelo Dia de Mobilização Nacional da categoria, que reivindica o piso salarial de R$ 1.587,87, além de aprovação do Plano de Cargos e Salários. Os professores municipais se reúnem pela manhã na Praça da Piedade, em Salvador. Já os docentes estaduais promovem ato público, também pela manhã, em frente ao Tribunal de Justiça (TJ-BA). Com a paralisação, mais de 1,2 milhão de alunos da rede estadual e 149 mil da municipal ficaram sem aulas. Nesta quinta-feira (7), as escolas voltarão a funcionar normalmente. Em Heliópolis, o Colégio Estadual José Dantas de Souza não vai poder aderir por estar justamente encerrando o semestre letivo. Aqui o calendário é diferenciado por conta da festa anual do São Pedro, que terá início na próxima sexta-feira. Os alunos estão realizando uma festa de encerramento típica da época junina. Seria inoportuno paralisar as atividades. 
        Com a colaboração do jornal A TARDE e do Bahia Notícias.