Exclusivo!

Polícia Militar faz cerco a veículos irregulares

Sargento PM Cunha palestra no CEJDS (foto: Landisvalth Lima) O comandante do destacamento da Polícia Militar de Heliópolis, Sargento C...

Novidade

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Aécio pode renunciar no 1º turno para apoiar Marina

                   da Redação do Yahoo Notícias
Aécio Neves renunciaria à candidatura?
A eleição presidencial de 2014, até então diferenciada pela inédita disputa entre três grandes forças, pode voltar à antiga bipolaridade. Isso porque, segundo informações do jornal Valor Econômico, assessores ligados ao candidato do PSDB, Aécio Neves, sondam a possibilidade de uma renúncia na candidatura tucana e consequente apoio à Marina Silva, do PSB.
Aécio Neves, candidato à presidência pelo PSDB, começou a disputa eleitoral como segunda força do pleito, atrás apenas da atual presidente Dilma Rousseff (PT). As semanas se passaram e a corrida foi tomando novos rumos. O PSB confirmou a candidatura de Marina Silva, no lugar do falecido Eduardo Campos, e a antiga vice da chapa ganhou força nas pesquisas.
De acordo com as opiniões ouvidas nas ruas, Marina recebeu votos dos indecisos e, principalmente, de Aécio. O tucano ficou para trás e viu a possibilidade de disputar o segundo turno cada vez mais remota. No debate da última segunda-feira (1º), Aécio Neves teve papel secundário, foi questionado menos que suas adversárias e acabou por consolidar uma posição de espectador na disputa.
Paulo Souto em Heliópolis
O PSDB já se prepara para apoiar Marina Silva num possível segundo turno. A crescente da candidata do PSB aparenta não ter fôlego suficiente para vencer a petista já na primeira fase das eleições. No entanto, segundo matéria do Valor Econômico, surge a possibilidade de uma drástica mudança no cenário eleitoral.
Apesar de remota, alguns tucanos defendem que a derrota de Aécio Neves já é certa e, na tentativa de tirar o PT do poder, pessoas próximas ao candidato defenderiam sua renúncia antes mesmo do dia cinco de outubro, quando acontece o primeiro turno das eleições.
Ildinho - prefeito de Heliópolis
Na última pesquisa realizada, divulgada no dia 29 de agosto, Marina Silva aparece empatada com Dilma Rousseff, com 34% das intenções de voto. Aécio Neves tem o terceiro lugar consolidado, com 15%. A estratégia tucana, em um cenário sem Aécio, aposta que seu eleitorado migraria automaticamente para o lado de Marina, passando assim dos 50% de votos e vencendo já no primeiro turno.
Paulo Souto em Heliópolis
Vereadora Ana Dalva (PPS)
O candidato a governador da Bahia e líder das pesquisas Paulo Souto (DEM) deverá fazer uma passeata em Heliópolis no próximo sábado, dia 06 de setembro. A notícia foi dada pelo vice-prefeito de Heliópolis Gama Neves (DEM). Além do candidato Paulo Souto, o ex-ministro da Integração Nacional Geddel Vieira Lima, candidato ao Senado Federal, e os candidatos a Deputado Federal, José Carlos Aleluia (DEM), e a Estadual, Sandro Régis (DEM) confirmaram presenças.
Mais dois vereadores
Vereador Valdelício (PSD)
Parece que não é só a eleição municipal que provoca brigas e desavenças entre grupos. Em Heliópolis, a eleição estadual parece estar aumentando as rusgas entre o prefeito Ildinho e o vice Gama Neves. O motivo é que o vereador Valdelício quer votar no DEM de fio a pavio. Ildinho queria, pelo menos, uma ajuda para Vando (PSC), o deputado estadual do prefeito. A coisa não andou bem e parece que há rompimento entre o vereador e o prefeito, coisa ainda não confirmada. O vereador anda a dizer por aí que o prefeito não o quer mais como aliado porque já conseguiu mais dois vereadores.
Fritando Ana Dalva
Vereador Mendonça (PCdoB)
Um vereador da oposição disse em off para um eleitor de Ildinho: “Ana Dalva está fazendo um ótimo trabalho da Câmara de Vereadores. Ela é econômica, responsável, presta contas... Tudo certinho, mas todos os dias o pessoal de Ildinho vive atormentando a gente. Não querem que a mulher continue na presidência de jeito nenhum.” É fofoca ou jogo político? Acho que a oposição está fazendo o papel de fritar Ana Dalva para ver se ela pula na frigideira. Se não for isso, então o prefeito vai levar todo o grupo dos pardais, diga-se PCdoB, para a prefeitura. Aí ficaria Ana Dalva mais uma vez sozinha na oposição porque ninguém imagina o vereador Valdelício fora do poder.
Perdendo tempo
E por falar em Ana Dalva, é dela a frase: “Considero perda de tempo um prefeito brigar com um vereador, mesmo que ele seja da oposição, para dar voto a deputado. Acho que tem gente que precisa aprender que deputado fiscaliza governador e vereador fiscaliza prefeito!”. E completa dizendo: “Nosso papel é pedir, mas é o povo quem decide.”.
Comparando pinturas
Josué Telles (PPS)
Continuando o processo de promoção de desgaste do prefeito, na sessão da Câmara Municipal da última segunda-feira (05), após apresentação da prestação de contas da casa, feita pela presidência, o vereador José Mendonça fez uma comparação entre a reforma da Câmara Municipal e a da Secretaria de Educação. A primeira custou cerca de 14 mil e a segunda 27 mil. A primeira inclui reforma do telhado, reforma da rede elétrica, hidráulica e pintura. A segunda só foi uma pintura, segundo o vereador. Estão colocando pimenta no governo e já há necessidade de algum vereador da bancada governista provar que o líder da oposição está errado.
Josué em Heliópolis
Não havendo imprevistos de última hora, o candidato a deputado estadual pelo PPS, Josué Telles, estará em Heliópolis dia 13 de Setembro para um encontro com a comunidade. Além de fazer visitas na sede, Josué vai conhecer os trabalhos desenvolvidos pela Associação da Quixabeira/Marmelada. O microempresário é um dos favoritos para ocupar uma cadeira na Assembleia Legislativa e tem apoio da vereadora Ana Dalva.