Exclusivo!

Heliópolis: Populares reagem e bandido é morto em assalto a ônibus

Mais um assalto a ônibus acontece na zona rural de Heliópolis Mais um assalto a ônibus acontece em Heliópolis. Desta vez, o veículo ass...

Novidade

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

A história do invicto Artur Lima

                                                                            Landisvalth Lima
O nome dele é Artur Lima, natural da cidade de Serrinha-Ba, filho de Patrícia e de meu irmão Laivikson Lima (Pirica). Completou agora 20 anos e reside na cidade de Curitiba, no Paraná, onde tenta solidificar sua carreira como atleta de MMA. Artur é praticante de Jiu Jitsu, Muay Thai, Box e Taekwondo. Ele é atleta da academia Evolução Thai e está invicto há 2 anos. Foram 3 lutas de Muay Thai, sendo uma por nocaute; 2 lutas de box, uma delas por nocaute também. Artur Lima foi também 2 vezes campeão paranaense de Jiu Jitsu categoria e absoluto, campeão do Litoral Open em 4 vitórias de desafios por submissión.
Ele esteve em Heliópolis para a posse da vereadora Ana Dalva, para visitar este seu tio e sua irmã Vitória Linge, estudante do Colégio Estadual José Dantas de Souza, e contou um pouco de sua história. Ele disse que começou a treinar Jiu Jitsu aos 14 anos na academia de Neto Ferreira, em Serrinha, com o mestre Jéferson Almeida, e venceu vários campeonatos baianos, campeonato brasileiro, Open e Norte-Nordeste. Como se destacou, começou a se interessar pelo MMA. Foi daí que veio o contato com Curitiba e com a academia Evolução Thai, que tem os melhores técnicos do Brasil, como os mestres André Dida e Daniel Acácio. Só na equipe há 6 atletas UFC.
Sobre seus mestres, Artur Lima não se cansa de detalhar. Diz que mestre Dida é lutador K1, maior evento de trocação do mundo. Sobre Daniel Acácio, do antigo Pride, só elogios. Por isso ele tem certeza de que está no caminho certo por ser atleta da melhor equipe do mundo. Mas o que deixa Artur bem animado é saber que, em novembro do ano passado, foi inaugurado o maior centro de treinamento do Brasil, em Curitiba, onde já mora há 2 anos.
Invicto em várias modalidades das artes marciais, Arthur Lima já tem data para um novo desafio. Dia 11 de fevereiro ele fará sua primeira disputa de cinturão do evento Katana Fight. É o início de uma carreira que promete dar muitas alegrias aos Serrinhenses, aos baianos e à equipe da Evolução Thai.