Exclusivo!

Juiz recebe 500 mil de salário. Direito ou privilégio?

Mirko Vincenzo Giannotte recebeu 503 mil em salários. Direito ou privilégio? A pressa em divulgar uma notícia pode levar um jornalista ...

Novidade

domingo, 16 de outubro de 2011

Policial chama ministro de “bandido”


O ministro dos Esportes, Orlando Silva, foi chamado de “bandido” neste domingo (16) pelo soldado da Polícia Militar do Distrito Federal que o acusou de participar de desvios de recursos do ministério. O PM postou a mensagem em seu blog na internet. João Dias Ferreira (foto) disse ainda que tem como provar as acusações que fez à revista Veja. "O que falei pra revista está devidamente gravado e será apresentado às autoridades competentes", garantiu. De acordo com o Jornal Folha de São Paulo, em uma mensagem dirigida ao chefe da pasta, Ferreira afirmou: "Você está equivocado, eu não sou bandido, bandido é você e sua quadrilha que faz e refaz qualquer processo do ministério de acordo com sua conveniência e você sabe muito bem disso!”. O policial, que em 2006 foi candidato derrotado a deputado distrital pelo PCdoB em Brasília, também fez uma ameaça à direção nacional do partido, que ontem soltou uma nota em apoio ao ministro baiano. "Sugestão: era bom o PCdoB nacional ficar calado antes de sair em defesa do Orlando sumariamente”, ameaçou. Em entrevista à semanal, Ferreira afirma que Orlando Silva tinha participação direta em um esquema de desvio de recursos do programa Segundo Tempo, que distribui recursos a ONGs para projetos de incentivo à prática de esportes por jovens.
Informações do Bahia Notícias.