Exclusivo!

Nós sobreviveremos!

O Brasil é árvore que cai e continua existindo! (foto: Willian Sanches) Aconteça o que acontecer, neste 7 de outubro de 2018 nós vamo...

Novidade

sábado, 3 de março de 2018

Natã Santana lança O Epitáfio

O Epitáfio, de Natã Santana, lançado pelo Clube dos Autores (foto: Divulgação)

 No ano de 2015, um aluno despontava em sala de aula, no 3º ano matutino do Colégio Estadual José Dantas de Souza. Escrevia com desenvoltura. Um dia ele me entregou um calhamaço do seu 1º livro. Ao terminar a leitura, tinha certeza de que nascia ali um escritor. Agora, já quase no final do seu curso de Letras na Universidade Federal de Sergipe, Natã Santana brinda os bons leitores com o seu O Epitáfio, lançado pelo Clube do Autores.
A obra aparece em duas versões: impressa e digital, ao preço de 42,00 e 15,00 reais, respectivamente. Querem saber o tema? Está bem delineado no portal do Clube dos Autores, mas posso adiantar que é um romance cheio de mobilidade, como disse num artigo que escrevi sobre a obra no portal Cheio de Arte. Há sim uma história central em torno do personagem Luciano Tavares, mas cada capítulo tem ação e resolução. Mal comparando, trata-se da união de um filme dramático com uma narrativa de crítica a costumes, recheado de uma trama policial, sem que o protagonista seja um detetive ou policial. É também uma história de amor, traição e vingança. Imaginem um homem ser rejeitado por uma mulher ou uma mulher ser rejeitada por um homem. E o ódio de ambos! Agora completem o pensamento com um homem sendo rejeitado por outro homem. Vinganças e chifres moderníssimos! E o melhor, o livro está bem escrito num cenário mineiríssimo, com um narrador desprovido de preconceitos. Natã Santana já faz parte do mundo dos escritores.  
O meu exemplar já está comprado para honrar a minha biblioteca. Não é todo dia que temos alunos virando escritores, muito menos bons escritores. Apesar de ser um epitáfio uma mentira ou meia verdade, já que as lápides dos túmulos estão cheias deles, a narrativa de Natã Santana soa tão verdadeira que, no seu primeiro livro, o autor já passa um encanto de verdade, nas 336 páginas. E tomara que ele não pare por aqui. Heliópolis tem mais um escritor para o mundo!
Para adquirir o livro, dê um clique AQUI.