Exclusivo!

"Não se resolve tudo no grito e na violência"

Novidade

sábado, 30 de setembro de 2017

Poucas & Boas 2017.2

Michel Temer está destruindo a pesquisa científica do Brasil (foto: Notícias ao Minutos)
O exterminador do futuro 
O orçamento deste ano do Ministério das Comunicações, Ciência e Tecnologia é o menor de todos os tempos, com cerca de R$ 3,2 bilhões disponíveis (depois do contingenciamento de 44% no início do ano) para o financiamento de pesquisas e pagamentos de bolsas em todo o País. Isso equivale a um terço do que o ministério tinha quatro anos atrás (antes de ser unificado com a pasta de Comunicações), e a proposta inicial do governo para 2018 é reduzir esse valor ainda mais, para R$ 2,7 bilhões. O governo Michel Temer entrará para a história como aquele que sepultou a pesquisa científica no país. Um país sem ciência não tem futuro.
Saque do PIS/PASEP
A partir do dia 17 e outubro, começa a primeira etapa do pagamento das cotas do PIS/Pasep. Os recursos serão liberados em três fases, segundo calendário anunciado na última quinta-feira (veja abaixo), e a previsão é de que sejam disponibilizados 15,9 bilhões de reais, para 8 milhões de pessoas. A Caixa, responsável pelo PIS e o Banco do Brasil, que cuida do Pasep, disponibilizaram sites para a consulta dos valores – a média é de 1.200 reais por pessoa. As cotas do PIS e do Pasep foram acumuladas por trabalhadores que estiveram empregados entre 1971 e 1988. Elas podem ser sacadas em casos especiais, como aposentadoria, invalidez, ou após a idade mínima (65 anos para homens, e 62 para mulheres). Enquanto não são sacadas, essas cotas geram rendimentos, que podem ser recebidos anualmente. Quem ingressou no mercado de trabalho após 1990 tem direito a outra modalidade do PIS/Pasep, que são os abonos salariais. Eles também são pagos anualmente. Nesse caso, não há cota a ser sacada.
Avenida São José, em Poço Verde
Depois das lagoas abertas pelas constantes chuvas de setembro, agora os moradores da avenida São José, que a liga a Santa Cruz até a BA 393, estrada para a cidade de Heliópolis-Ba, começam a sofrer o segundo tempo do jogo. É que os buracos estão secando e a poeira começa a circular no ar. Além de provocar várias doenças respiratórias, as digníssimas senhoras que cuidam do lar já soltam uma quantidade razoável de impropérios. Alguns deles estão reservados ao prefeito de Poço Verde, que, com o orçamento apertado, procura saídas para resolução do problema. Mas, cá entre nós, bem que o dinheiro de Aviões do Forró daria para resolver a situação. E ainda sobrava!
Ficha Limpa municipal
A Rede Sustentabilidade está com uma campanha de ampliar a Lei do Ficha Limpa para todos os municípios da Bahia. Um município não vai precisar: Heliópolis. É que já há uma lei aprovada desde 2012, apresentada pela vereadora Ana Dalva. Estão proibidos de ocupar os cargos ou funções de Secretários Municipais, Ordenadores de Despesas, Diretores de Escolas, Departamentos e Órgãos públicos nos três níveis de Poder, Sociedades de Economia Mista, Conselhos, Fundações e Autarquias do Município de Heliópolis quaisquer pessoas que não tenham idoneidade jurídica e moral.
Benefícios cortados
O leitor que recebe algum benefício pela Previdência Social fique de olho em pé. É que estão cancelando uma quantidade razoável em nossa região. E as alegações dos órgãos competentes são: não fez perícia médica ou não se recadastrou. Na verdade, estão atirando primeiro e perguntando depois quem é. O país está quebrado pela irresponsabilidade dos governos populistas e incompetentes e, agora, administrado por um político que venderá a pátria para continuar no cargo. Eles apostam que, no futuro, todos esquecerão e darão votos generosos novamente.
Poço Verde a Simão Dias
Quem precisa viajar pela rodovia SE-316, que liga o município de Poço Verde a Simão Dias, tem reclamado muito do estado da estrada. Não há necessidade nem de citar a quantidade de buracos. Isso é o mínimo porque são vários os problemas. Não há acostamento, a sinalização vertical e a horizontal desapareceram e já nem mais adianta operação tampa buraco porque o asfalto já está deteriorado de tão velho. Coisa é para quem precisa trafegar pela estrada à noite. Se cair uma chuva, aí é quase o inferno. O governo está recuperando a rodovia que liga Poço Verde a Tobias Barreto, mas não há perspectiva para a SE-316 e o escoamento da grande safra de grãos este ano será marcado por vários acidentes. Enquanto isso, Jackson Barreto sonha com uma cadeira no senado.