Exclusivo!

Vereador ignora decisão do TCM

Novidade

quinta-feira, 2 de junho de 2016

I OUTONO FEST do CEJDS

     O Colégio Estadual José Dantas de Souza - CEJDS - realizará neste sábado, 04 de junho, o I OUTONO FEST, com início previsto para as 10 horas da manhã. A festa está sendo organizada pelo colégio e pelo Grêmio Estudantil Novas Tendências - o GENTE. O objetivo do evento é arrecadar fundos para melhorias pontuais na escola. Participarão das apresentações as bandas 100 Vergonha, Baile das Tops, Alto da Colina (Poço Verde), Fikesperto (Inhambupe), Rato Preto, Luciano dos Teclados, Kémille & Naum Merce, Cordas & Sons (Poço Verde), Bruna & Beatriz, Balada Prime, Edson Lins & Convidados e o Coral do CEJDS, além de outras atrações. O ingresso será de apenas 1 real. Todas as bandas e músicos doaram os seus respectivos cachês. 
     Além das apresentações artísticas, haverá um sorteio de 1 carneiro, oferta do prefeito Ildinho. Também alunos e funcionários do CEJDS estão preparando uma feijoada top de linha, que custará a bagatela de 5 reais, para ninguém reclamar da fome. Várias empresas e autoridades colaboram com o evento. Além do prefeito Ildinho, a prefeitura municipal doou o palco e o som. A vereadora Ana Dalva, CTI NET, Horta Dantas, Realzão, Pizzaria Iphome, Sergisat, Nay Presentes & Variedades, JJN Imobiliária e Jairo Rocha Acessórios deram ainda total apoio. Esta será a primeira das três festas que serão realizadas pela instituição este ano. O grande homenageado do evento será o professor, poeta e compositor Antônio Rodrigues de Oliveira, o Clóvis de Dulce, que faleceu na última terça-feira. Ele era professor do CEJDS.

terça-feira, 31 de maio de 2016

Multidão comparece a sepultamento de Clóvis

O último Adeus ao Professor Clóvis
O professor, cantor, compositor, poeta e político Antônio Rodrigues de Oliveira foi sepultado nesta tarde de terça-feira (31) no Cemitério de Heliópolis. Ainda não eram 17 horas quando o seu corpo desceu ao sepulcro perante uma multidão. Alunos, colegas de boemia, colegas de profissão, políticos, parentes e amigos foram dar o último adeus o segundo ex-vice-prefeito de Heliópolis, na primeira gestão do prefeito Aroaldo Barbosa. O popular Clóvis de Dulce faleceu no início desta manhã de terça-feira (31), no Hospital Santa Teresa, na cidade de Ribeira do Pombal. Ele lecionava Geografia, Biologia e História no Colégio Estadual José Dantas de Souza – CEJDS. Era filho de José Salustiano de Oliveira e Dulce Rodrigues de Oliveira e tinha 57 anos. 
O féretro saiu por volta das 16:30 da Rua dos Poetas, onde residia. Logo atrás do esquife seguia uma bandeira do Esporte Clube Bahia, time do coração. Professor Clóvis era poeta sem livro publicado e compositor de músicas gravadas. Formou-se em Pedagogia pela Universidade do Vale do Acaraú, na cidade de Tobias Barreto – Sergipe. Depois estudou Geografia na Universidade Aberta do Brasil – UAB – vinculada à Universidade Federal de Sergipe – UFS. Estava afastado de suas atividades por dois meses para cuidar da saúde, abalada por problemas renais. Todos lamentavam o falecimento do professor ainda na média idade.
Para ver mais fotos do sepultamento, dê um clique AQUI

Professor Clóvis faleceu

Antônio Rodrigues de Oliveira (Clóvis)
O professor, cantor, compositor, poeta e político Antônio Rodrigues de Oliveira faleceu no início desta manhã de terça-feira (31), no Hospital Santa Teresa, na cidade de Ribeira do Pombal. Clovis de Dulce, como era mais conhecido, lecionava Geografia, Biologia e História no Colégio Estadual José Dantas de Souza – CEJDS. Era filho de José Salustiano de Oliveira e Dulce Rodrigues de Oliveira. Completou, no último dia 2 de abril, 57 anos.
O professor Clovis era funcionário da Varig, em Salvador, quando resolveu retornar a Heliópolis para atividade política, lutando inclusive pela emancipação da cidade. Foi eleito vice-prefeito na chapa encabeçada por Aroaldo Barbosa, na eleição de 1988. De lá para cá não mais exerceu cargo político, dedicando-se ao magistério. Formou-se em Pedagogia pela Universidade do Vale do Acaraú, na cidade de Tobias Barreto – Sergipe. Depois estudou Geografia na Universidade Aberta do Brasil – UAB – vinculada à Universidade Federal de Sergipe – UFS. 
Sempre ligado ao mundo da música e da poesia, até a rua onde morava era denominada Rua dos Poetas, Antônio Rodrigues, ou Clóvis de Heliópolis, deixou várias composições musicais, muitas delas com Zé Costa. Era assíduo frequentador da noite e das rodadas de voz e violão. Há meses lutava contra uma insuficiência renal. Estava hospitalizado em Ribeira do Pombal, onde faleceu. O Colégio Estadual José Dantas de Souza está de luto e os alunos estarão no sepultamento todos fardados, fato que ocorrerá nesta mesma terça-feira, às 16 horas. O prefeito Ildelfonso Andrade Fonseca mandou decretar Luto Oficial de três dias. O professor deixa um filho e uma neta.