Exclusivo!

Presidente do OAB-SP critica lentidão da Justiça

'Temos juízes com férias de 60 dias e outros que não trabalham de segunda e sexta', diz presidente da OAB-SP sobre lentidão da Just...

Novidade

sábado, 27 de agosto de 2016

Oposição inaugura Comitê eleitoral

Mendonça discursa ao lado de Aroaldo (foto: Ana Lúcia)
A coligação A mudança se faz com todas as forças, formada pelos partidos PCdoB, PP, PRB, PPS, PMB, PT, PTB e PEN, e liderada pelo candidato a prefeito José Mendonça Dantas, inaugurou neste sábado (27) o seu Comitê Eleitoral Central, localizado na Praça 15 de Novembro. O evento começou por volta das 17 horas e foi recebido por uma chuvarada de fim de tarde, o que não desanimou os seguidores. Carros, motos e ônibus ficaram posicionados na entrada da cidade, na rodovia BA-393, vizinho ao Posto Nilo. Depois da carreata, após o fim da chuva, militantes saíram desfilando e gritando por várias ruas da cidade. Novamente no comitê, pararam para os discursos.
Comitê Central inaugurado (foto: Ana Lúcia)
Não houve novidades. Discursos de sempre. Mas vale destacar os candidatos a vereadores Igor Leonardo, Doriedson Oliveira, Claudivan, Manoel Rodrigues e Rivonei. Falaram ainda Zé Guerra, Antônio Jackson, Mundinho do Tijuco, Gil Dentista, Raul de Ioiô e outros. O ex-prefeito Aroaldo Barbosa e o vereador José Mendonça encerraram o evento. Também, durante o comício, anunciaram adesões, algumas curiosas porque já eram apoiadores da própria coligação. Mas a surpresa mesmo foi o apoio de Rubinho da Madeireira, que até a semana passada participava de reuniões na casa de Beto Fonseca. Foi, inclusive, um dos votantes a favor de Zé do Sertão como vice de Ildinho. 
O evento mostrou que a vida de oposição não é fácil. É preciso mostrar mais que o comum, mais que o necessário para surpreender e se apresentar realmente como alternativa. Além do problema da impugnação do candidato a vice-prefeito, Aroaldo Barbosa, parece que os opositores do prefeito Ildinho ainda não encontraram o norte que lhes garantam o favoritismo da vitória. Encher comícios com carros e motos, desfilar nas ruas da cidade para mostrar força são coisas da política dos comuns. São fórmulas velhas e repetitivas. Não é maioria, mas há um público em Heliópolis que quer ser surpreendido por inovações. Este público aguarda algo novo. Parece que não foi desta vez.