Exclusivo!

Heliópolis: Populares reagem e bandido é morto em assalto a ônibus

Mais um assalto a ônibus acontece na zona rural de Heliópolis Mais um assalto a ônibus acontece em Heliópolis. Desta vez, o veículo ass...

Novidade

sábado, 2 de julho de 2016

Os candidatos secundários

Aroaldo Barbosa, Gilberto Jacó e Giomar Evangelista
Na verdade, o que querem mostrar cada um dos cinco candidatos da oposição em Heliópolis é força para, lá adiante, ter cacife para convencer o outro que é melhor que este ou aquele. É puro teatro. É propaganda enganosa e desnecessária. Heliópolis é um município pequeno. Todos conhecem todos. Giomar Evangelista, Aroaldo Barbosa e Gilberto Jacó são personagens secundários. Só se fortaleceriam insistindo como candidatura alternativa. Até mesmo Aroaldo Barbosa, que já está apto a se candidatar, não protagoniza hoje muito coisa. É um extraordinário apoio para qualquer candidatura, podendo até cravar uma vice, mas sozinho não vai a lugar algum. Em Heliópolis são vários os grupos e a união da maioria destes grupos é que decidirá o vencedor. O prefeito Ildinho hoje é quem mais agrega votos.
Também luta por um espaço na chapa o vereador Giomar Evangelista. Até que seria um bom nome há dois anos. Hoje, o maior problema de Giomar é ele mesmo. Os infindáveis problemas vividos por ele na presidência da Câmara de Vereadores só aumentam. Além do atraso nos salários de Ana Dalva, ele insiste no erro e também não paga ao vereador Zeic Andrade, licenciado como Secretário Municipal de Saúde. Por isso é nome descartado. Mesmo que ele dê o pulo do gato e pleiteie a vice do prefeito Ildinho, sofrerá oposição da vereadora Ana Dalva e da Rede Sustentabilidade. Não tem para onde ir a não ser continuar vereador, inclusive com amplas possibilidades de reeleição. 
O nome mais leve é o de Gilberto Jacó, mas ainda não sabe como fazer política em Heliópolis. Tem todas as condições de liderar um grupo forte no futuro, mas hoje é ainda só um bom nome para apoio. Pode ser alternativa viável para uma candidatura a vice, mas se resolver sair como candidato a prefeito sozinho será abandonado pelos seus “amigos”. Acho que ele já aprendeu que, em Heliópolis, os “amigos” são os que mais traem. É bem melhor contar com muitos aliados do que com estes tais “amigos”. Dos cinco nomes, Gilberto Jacó, Aroaldo Barbosa e Gama Neves são os únicos que têm cacifes para, se quiserem, conquistar uma vice na chapa do prefeito Ildinho.