Exclusivo!

Tiroteio, morte e sequestro em Heliópolis

João José (esquerda) morreu no tiroteio. Mateus (direita) está desaparecido A violência em nossa região está tão grande que é preciso a...

Novidade

terça-feira, 26 de julho de 2016

Fátima terá Binho X Sorria

Binho de Alfredo (PT)
O cenário que o Landisvalth Blog vai relatar nesta postagem pode mudar a qualquer momento. Política não é exata e, muito menos, ciência. Tudo pode acontecer, mas o grupo liderado pelo prefeito Nego ruiu e está dividido. O vereador Binho de Alfredo (PT), que antes era apontado como candidato nato indicado por Nego, agora é oposição. Tudo indica, mesmo ainda não anunciado oficialmente, o prefeito deve apoiar o ex-prefeito Sorria (PP). E o desafio lançado pelos irmãos Santana, Lucas e Rodrigo, foi topado por Binho de Alfredo. Agora vamos ver se Lucas e Rodrigo cumprem a promessa de que onde Nego estivesse eles não estariam. Até o fechamento desta edição, eles estavam apoiando Sorria.
Manoel Missias, o Sorria (PP)
Manoel Missias, o Sorria, terá como provável companheiro de chapa o também ex-prefeito Eduardo, do mesmo PP. Além disso, terá uma chapa com 22 candidatos a vereador, entre eles Zezinho, Nerivan, Oliveira e Nego de Pretinha. Em torno do PP estarão os partidos PC do B, PPS, PDT, e, provavelmente, PMDB. Binho de Alfredo poderá ter como provável companheiro de chapa o vereador Gilvan de Pedro de Dé (PTB). A boa surpresa é que o vereador petista conseguiu o apoio de Roberto da Farmácia (PSD) e da maioria da Câmara de Vereadores. Além de Gilvan, estão com Binho de Alfredo Bell, Odilon, Gilberto e Zé Cuscus, que, ao lado de Binho e Gilvan, formam a maioria na Câmara Municipal de Fátima.
Faltando muito pouco para definir, inclusive o apoio do PMDB e de Milton da Laje, a eleição em Fátima ganha contornos de ser a disputa entre a política populista de Sorria e a visão administrativa e popular de Binho. Sorria não poderá mais fazer certas práticas do passado, nem Binho vai poder adotar o discurso falacioso do PT dos últimos anos, com cara de populismo disfarçado de socialismo. Os dois terão que estabelecer estratégias para não transformarem Fátima em mais do mesmo. Se o foco for o desenvolvimento e o progresso, as duas candidaturas darão significativa contribuição para o desenvolvimento da cidade.