Exclusivo!

Presidente do OAB-SP critica lentidão da Justiça

'Temos juízes com férias de 60 dias e outros que não trabalham de segunda e sexta', diz presidente da OAB-SP sobre lentidão da Just...

Novidade

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Os sete vídeos do vice

José Gama Neves 
O vice-prefeito Gama Neves publicou na sua página no Facebook exatos sete vídeos. Acredita-se que o objetivo é agregar valor ao seu nome, já que há praticamente a confirmação de sua candidatura a prefeito de Heliópolis pelo Democratas. Em nenhum momento nos vídeos ele se coloca como candidato e também diz alguma coisa significativa. Gama fica pelas beiradas. Não tem apetite para oposição. Vê-se esguio, indeciso, sem querer ir ao ponto. Nos três primeiros vídeos, que poderiam muito bem não terem sido publicados, ele chama ao diálogo para debater Heliópolis. Faz divagações genéricas e nada apresenta como concreto. No quarto vídeo, criticou a educação, a saúde e a falta de planejamento. Solução? Nenhuma, só divagações. Criticou as nossas estradas vicinais que estão, e é verdade, em estado deplorável, mas nem sequer considerou o nosso período de muitas chuvas. Faltou propor o asfaltamento de todas. 
O vídeo quinto fala da agricultura. Aponta os velhos defeitos e não apresenta saída. No sexto vídeo, Gama aponta a falta do Plano Diretor Urbano. Chega a afirmar que as casas são feitas de forma desorganizada em Heliópolis, o que não é verdade. No sétimo vídeo prega a necessidade de planejamento e não fica claro se é uma sugestão para os candidatos ou se para que todos se unam a ele para planejar depois. Enfim, nada de concreto. Todos os vídeos apresentam o título Heliópolis Ainda há Esperança. Ainda no mesmo tom, Gama Neves fez uma postagem também usando a metáfora da Fênix. Exagerou. Será que ele quer dizer que Heliópolis virou cinzas e só renascerá com sua administração? Menos, Gama. Todos os prefeitos de Heliópolis trouxeram coisas boas e más para o município. Uns mais, outros menos. Heliópolis evoluiu. Não como queremos, mas evoluiu. Um bom candidato precisa reconhecer onde evoluímos e onde precisamos de um choque de gestão.