Estamos de volta!

Mudamos a linha editorial
O tom crítico continua
Mas falaremos apenas
Daquilo que vale a pena falar

Novidade

terça-feira, 31 de maio de 2016

Professor Clóvis faleceu

Antônio Rodrigues de Oliveira (Clóvis)
O professor, cantor, compositor, poeta e político Antônio Rodrigues de Oliveira faleceu no início desta manhã de terça-feira (31), no Hospital Santa Teresa, na cidade de Ribeira do Pombal. Clovis de Dulce, como era mais conhecido, lecionava Geografia, Biologia e História no Colégio Estadual José Dantas de Souza – CEJDS. Era filho de José Salustiano de Oliveira e Dulce Rodrigues de Oliveira. Completou, no último dia 2 de abril, 57 anos.
O professor Clovis era funcionário da Varig, em Salvador, quando resolveu retornar a Heliópolis para atividade política, lutando inclusive pela emancipação da cidade. Foi eleito vice-prefeito na chapa encabeçada por Aroaldo Barbosa, na eleição de 1988. De lá para cá não mais exerceu cargo político, dedicando-se ao magistério. Formou-se em Pedagogia pela Universidade do Vale do Acaraú, na cidade de Tobias Barreto – Sergipe. Depois estudou Geografia na Universidade Aberta do Brasil – UAB – vinculada à Universidade Federal de Sergipe – UFS. 
Sempre ligado ao mundo da música e da poesia, até a rua onde morava era denominada Rua dos Poetas, Antônio Rodrigues, ou Clóvis de Heliópolis, deixou várias composições musicais, muitas delas com Zé Costa. Era assíduo frequentador da noite e das rodadas de voz e violão. Há meses lutava contra uma insuficiência renal. Estava hospitalizado em Ribeira do Pombal, onde faleceu. O Colégio Estadual José Dantas de Souza está de luto e os alunos estarão no sepultamento todos fardados, fato que ocorrerá nesta mesma terça-feira, às 16 horas. O prefeito Ildelfonso Andrade Fonseca mandou decretar Luto Oficial de três dias. O professor deixa um filho e uma neta.