Exclusivo!

O predador da Petrobrás

Sérgio Gabrielli (foto: Terra.com) Em apenas uma única obra da Petrobrás, o Comperj – Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, localiz...

Novidade

sábado, 9 de abril de 2016

Governo do PT faz a mais democrática reforma agrária da história do Brasil!

O PT implantou democracia na Reforma Agrária (foto: página3)
Nem tudo é desgraça no governo do PT. Apesar de toda corrupção, temos que admitir a capacidade que nossos falsos socialistas têm para se superarem. Esta semana, o Tribunal de Contas da União determinou a paralisação do programa de reforma agrária no país. E aqui vejo que há uma tentativa de intimidar nossos membros do governo. Parece até perseguição. O PT não pode fazer nada e dizem que é crime. Neste caso, defendo-os até o possível. Não houve crime, apesar de os auditores encontraram milhares de supostas irregularidades.
Por que não se pode dizer que são crimes tais irregularidades? Por seu caráter democrático: até os mortos receberam terras ou recursos do programa. Veja que a nossa Dilma, a presidenta, foi de uma bondade de dar pena. Foram quase 600 mil beneficiários, um terço do total atendido pelo Incra em todo o país. Os auditores do TCU cruzaram os dados do Incra com dados da Receita Federal, do INSS e do sistema eleitoral e confirmaram a mais democrática reforma agrária da história deste país. Acharam entre os beneficiados da reforma agrária, que recebem terra e recursos, quase 62 mil empresários, 144 mil servidores públicos e quase 38 mil mortos. Além disso, para fechar a conta, mais de mil políticos eleitos foram beneficiados também: 800 vereadores, quase 100 deputados estaduais, 69 vice-prefeitos, quatro prefeitos e um senador. Sim! Eles também são filhos da pátria!
E ainda me vem uns sem rumo criticarem Caetano Veloso, Wagner Moura, Letícia Sabatella, quando eles defendem este governo. É verdade que, pela Lei, todos são proibidos de entrar no programa de reforma agrária, que deveria atender famílias com renda de até três salários mínimos e que lidam diretamente com a terra. Mas aí não há crime porque o PT está fazendo uma distribuição democrática, atendendo a todos os setores da nossa vida nacional, sem discriminação, sem preconceitos. Além do mais, todo o país foi beneficiado. O maior número dos beneficiados está no Pará, com quase 80 mil casos e em Mato Grosso, com 66 mil casos. O que o TCU chama de prejuízo, que pode chegar a quase R$ 3 bilhões, é, na verdade, uma das maiores distribuições de renda nunca antes vista na história do Brasil.
Para garantir toda essa eficiência na distribuição caridosa das terras e benefícios, os auditores descobriram também que o Incra suspendeu as visitas de supervisão do programa - segundo o TCU, importantes para detectar e conferir se os beneficiários da reforma agrária estão de fato na terra. O que não pode é fazer o que o TCU quer, pois, até o fim da investigação, estão suspensas novas concessões de benefícios, créditos e assistência. E como ficam os outros senadores que ainda não receberam? E os blogueiros? Os professores? Nenhum vereador ou prefeito de Poço Verde, Heliópolis ou Cícero Dantas recebeu seu quinhão. Isso é injusto. Também novos assentamentos como os decorrentes das desapropriações autorizadas pela presidente Dilma Rousseff na semana passada, em 12 estados, inclusive Bahia e Sergipe, foram suspensos. Isso é golpe! 
Isso é coisa da Rede Globo! Até porque, no relatório, o TCU citou a reportagem do Fantástico em janeiro deste ano, que mostrou o descontrole na distribuição de terras da reforma agrária. Enquanto trabalhadores rurais passam muito tempo esperando por um lote, empresários, autoridades públicas e mortos, como constatado agora pelo TCU, receberam áreas do governo sem gastar um tostão. Na época, segundo a Controladoria-Geral da União, havia 76 mil lotes com indícios de fraude, quase 8% do total concedido nos últimos 20 anos. Sabia que era coisa desta mídia golpista! É hora de regular os meios de comunicação. Assim não dá!