Exclusivo!

TCE fará evento no CEJDS

TCE quer alunos praticando cidadania (foto: divulgação)      O Tribunal de Contas do Estado da Bahia – TCE – está desenvolvendo o pr...

Novidade

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Professores de Sergipe voltam ao trabalho na segunda-feira

Greve durou um mês. Ilegalidade foi confirmada pelo Tribunal de Justiça.
Professores perderam batalha
Na manhã desta quinta-feira (18), os professores da rede estadual se reuniram em assembleia para decidir se a greve que completa um mês hoje iria ser mantida ou encerrada. Segundo a assessoria de imprensa do Sindicado dos Professores do Estado de Sergipe (Sintese), a categoria decidiu pelo fim da greve e o retorno ao trabalho na próxima segunda-feira (22).
Os desembargadores do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) votaram nesta quarta-feira (17) o recurso sobre a decisão de decretar a greve dos professores da rede estadual ilegal. O entendimento do desembargador José dos Anjos, que concedeu liminar favorável a ação movida pelo Governo do Estado de Sergipe e decretou a ilegalidade no dia 22 de maio, foi mantida pelos magistrados do Pleno do TJSE com 7 votos contra apenas 3 que apoiaram o recurso dos trabalhadores.
O Sintese promete continuar a luta pela melhoria das condições de trabalho e pelo aumento de 13,01%, mas a categoria perdeu completamente a fé nos políticos e esperava a Justiça, o que não ocorreu. Escolas como o Colégio João de Oliveira devem voltar ao normal na segunda-feira (22). Os professores vão apenas aguardar se haverá corte de salários pelos dias parados. Em caso positivo, não haverá reposição das aulas não dadas. 
Informações do G1 e do portal Infonet.