Exclusivo!

Poço Verde nega título a Lula. E daí?

A cegueira ideológica impede a transformação real da sociedade (foto: porvir.org.) Dizem que o Brasil está tão dividido que é preciso ...

Novidade

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Região Nordeste da Bahia terá Universidade Federal

A 1ª reunião em Cícero Dantas (2012)

a 2ª reunião em Fátima (2012)
Um grupo formado pela advogada Maria Andrade, pelo ex-vereador de Cruz das Almas Josoaldo Santana, pelo bioquímico Noedson Cruz Lima, pela vereadora de Heliópolis Ana Dalva (PPS) e pelo professor Landisvalth Lima sonhou com a criação da Universidade Federal do Sertão Nordestino, em maio de 2012. O grupo recebeu o apoio do professor Marcos José, do atual vereador Washington Matos, do sr. Enoque Xavier, do ex-vice-prefeito Gilmar Santos, Herivaldo Alves Moreira e outros. O grupo colocou na Internet o portal com as propostas debatidas em Cícero Dantas, Fátima e Heliópolis. Ocorre que a região do Sisal também quer sua universidade. Também o litoral norte da Bahia gritou por uma instituição federal de nível superior. Então, pensaram na união das três ideias e nasceu a Universidade Federal do Nordeste da Bahia – UFNB. Na última sexta-feira, no colégio Navarro de Brito, o grupo se reuniu novamente para apresentar novas propostas e rumos do movimento. 
E agora no Navarro de Brito nasce a UFNB (2014)
A reunião foi aberta pelo ex-vice-prefeito Gilmar Santos. Presentes estavam a vereadora Ana Dalva (PPS), o vereador Washington Matos (Pros), o suplente de vereador José Domingos (PT) professores, dirigentes escolares e demais autoridades de Cícero Dantas, Heliópolis, Adustina e Fátima. Gilmar mostrou um esboço da unificação das três ideias e trouxe uma proposta de como seria a UFNB, mas sem fechar questão. A data para oficializar esta unificação será na cidade de Serrinha, dia 07 de fevereiro, na sede da CO-SISAL, localizada na Praça do Vaqueiro, às 9 horas da manhã.  Para explicar a unificação e iniciar a mobilização pelo recolhimento de cerca de 1 milhão de assinaturas para acelerar a implantação do Universidade Federal do Nordeste da Bahia – UFNB – haverá uma reunião em Ribeira do Pombal, dia 20 de Fevereiro, às 19 horas na Câmara Municipal daquele município. No dia 22 de fevereiro será a vez de Heliópolis. A reunião terá início às 9 horas na Câmara Municipal. Dia 24 será a vez de Adustina, com reunião também na Câmara Municipal, às 9 horas. Em outras cidades, as reuniões serão marcadas posteriormente. Gilmar faz questão de lembrar que é importante mobilizar as pessoas para o recolhimento das assinaturas nestas reuniões porque o tempo é curto e o projeto todo deverá estar concluído em Abril.

Gilmar Santos

Agora há uma  proposta com apoio mais amplo: a UFNB.











O local para instalação do campus administrativo da UFNB ainda não está sendo discutido. O que se sabe é que ela será multicampi, com unidades espalhadas estrategicamente para beneficiar os mais de 1 milhão e 600 mil habitantes dos municípios que compõem a mesorregião do Nordeste da Bahia, que engloba a Região do Sisal, o Literal Norte e o Semiárido Nordeste II. A proposta apresentada por Gilmar Santos fala de seleção pelo Enem/Sisu para ingresso, com um período de Formação Geral, em torno de 2 anos, e formação profissional a partir daí. O projeto também já prevê cursos de Pós-Graduação (Mestrado e Doutorado). O sonho de uma Universidade na região, iniciado em 2012, parece que está mais próximo da realização, mas só com a união de toda sociedade civil é que teremos de fato a consolidação da Universidade Federal do Nordeste da Bahia.