Exclusivo!

TCE fará evento no CEJDS

TCE quer alunos praticando cidadania (foto: divulgação)      O Tribunal de Contas do Estado da Bahia – TCE – está desenvolvendo o pr...

Novidade

sábado, 6 de julho de 2013

São Pedro 2013: 1ª noite foi de Canindé

Canindé foi o grande destaque do São Pedro de Heliópolis
A primeira noite do São Pedro mostrou o quanto o marketing atrapalha a análise correta das coisas. A atração da sexta-feira era a banda Forró Maior. Tanto que os organizadores colocaram a fala do prefeito Ildinho antes da apresentação da referida banda. Só que quem animou mesmo o público foi Canindé e sua banda. Quem tem ouvidos e sabe o que é música não tem dúvidas: Canindé salvou a sexta-feira do São Pedro. Não que Ronaldo Santos, Forró Maior e Olivan Monteiro não tenham cumprido satisfatoriamente suas missões. É que eles fizeram o mais do mesmo. Nada houve de novo do já conhecido do público. Canindé fez um show que agradou a gregos, troianos e brasileiros. Cantou de Zé Ramalho a Amado Batista e dedicou metade do espetáculo ao xote, baião e forró pé-de-serra. Imperdível! Bastava a noite ser só Canindé que já estava de bom tamanho. A sexta-feira inicia bem o São Pedro 2013, embora o público não tenha sido lá estas coisas, já que o primeiro dia é sempre o de menor participação pública. Minha preocupação é que, por ter elogiado o cantor, pode ser que ele não seja contratado para o próximo São Pedro. Nesse caso, peço mil desculpas a Canindé. É que eu não gosto de esconder a verdade e tem gente que não gosta disso.
Os renegados I
Durante minha estada ontem no calçadão, meus ouvidos cansaram de ouvir tantas queixas. A mais relevante foi a das pessoas que sempre ganhavam um dinheirinho para ajudar na ornamentação do arraial do São Pedro de Heliópolis. Alegam que foram colocados de lado e substituídos por ornamentadores de Poço Verde. Como o dinheiro que eles ganhavam gastavam na própria festa, este ano a diversão será menor. Os fornecedores do material para ornamentação e toda a criação são os mesmos dos anos anteriores, na então administração do PCdoB. A queixa maior cai sobre Leila Fonseca, esposa do secretário de administração. Queixas à parte, a ornamentação está muita bonita.
Os renegados II
Beto Moura: rifado (foto: Pequeno)
Um absurdo é o que estão fazendo com Val Santos, Beto Moura e Verônica Santos. Foram afastados completamente das atividades de comunicação. Eles que estavam na linha de frente durante toda a campanha do então candidato Ildinho, e não cobraram um tostão por isso, esperavam a vitrine do São Pedro para poder mostrar o seus talentos e ganhar um dinheirinho. Foram rifados. Beto Moura ainda tentou conversar, mas recebeu um cartão vermelho do outro  Beto, o Fonseca. Para seus lugares foi contratado o locutor Geraldo Macedo, que fez a campanha do candidato derrotado em Fátima, Roberto da Farmácia. Os vencedores perdem, os derrotados ganham! O novo apresentador do São Pedro está fazendo um ótimo trabalho, por ser, claro, um extraordinário profissional, mas eu já estou vendo a estreia em breve do filme A vingança dos renegados.
Coragem em tempos de cólera
E foi Geraldo Macedo quem ficou com a missão de animar o público na hora da apresentação do prefeito Ildinho. O locutor se esqueceu de que estava numa festa pública e abriu o vozeirão de apresentador de comício pedindo uma salva de palmas. Sorte dele é que ninguém vaiou e uma meia dúzia de abnegados aplaudiu. Muitos reclamaram. Virou comício? E quem estava no palanque era a deputada Fátima Nunes (PT) e o deputado federal Edison Pimenta (PSD), que se elegeu pelo PCdoB. Pimenta fez logo seu dever de casa e prometeu 300 mil em emendas para calçamento de ruas. Ele quer, lógico, um pedaço do eleitorado de Heliópolis, já que está num partido onde precisará ter o dobro dos votos que teve na última eleição. Pelo menos este ofereceu dinheiro para calçamento. Antigamente, o político ofertava bois aos “representantes”. O problema é que há pouco voto para muitos candidatos. Ou será que Ildinho tem tantos votos assim a ponto de se dar ao luxo de apoiar vários candidatos? É muita coragem!
Erramos!!
Este blog divulgou a ausência do prefeito Ildinho na solenidade da entrega das 130 retroescavadeiras, quando da visita de Dilma à Bahia esta semana. O prefeito estava presente e assinou o convênio de aquisição de uma motoniveladora (Patrol). Já temos um profissional treinado para a máquina, que deverá chegar até Agosto. Portanto, Heliópolis não receberá nenhuma retroescavadeira como chegaram a dizer. Nossa postagem já corrigiu a informação e pede desculpas aos leitores. Só aos leitores. Porque o prefeito ainda não tem uma assessoria de comunicação para informar aos jornais e blogs sobre sua agenda. Não tem, pois, o direito de reclamar quando há informações desencontradas. A informação foi corrigida graças ao vice-prefeito Gama Neves. A única coisa que o prefeito fez foi reclamar nos microfones da Festa de São Pedro e não citar o nome deste blog nem do seu articulador. Afinal, não cobramos para divulgar informações e nem é período eleitoral, quando se precisa do apoio e do trabalho de pessoas para se ganhar eleições.
Entrevista com Joilson Costa
Joilson Costa
Nesta manhã de sábado (6) fui a Ribeira do Pombal atender a um chamado do radialista Joilson Costa. Tive a honra de ser entrevistado por ele no seu programa Rádio Revista da Pombal FM. Foi um papo agradável. No cardápio tratamos de Heliópolis, da censura a esta blog, do partido Rede Sustentabilidade, da política nacional, da estadual. Falamos de Saúde, de educação, de corrupção, das manifestações que tomam conta do país e da administração de Ana Dalva frente ao legislativo em Heliópolis. Foram 45 minutos bem proveitosos. Em off, descobri que o nosso radialista ainda não é avô. Nesse ponto estamos empatados! Só nesse ponto. Nos demais, Joilson está dando de goleada.