Exclusivo!

Poço Verde nega título a Lula. E daí?

A cegueira ideológica impede a transformação real da sociedade (foto: porvir.org.) Dizem que o Brasil está tão dividido que é preciso ...

Novidade

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Novos tempos: Deputado do PT compra votos e autoriza desmatamento

     
Claudio Puty: comprando votos e desmatando florestas!
Pois é, já dizia o grande poeta Luís de Camões: “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”. Quem era o PT, o velho PT! O partido que no passado era símbolo de luta pelo fim de todas as formas de corrupção e de interferência na soberana vontade de eleitor, hoje não passa de um partidinho pragmático, que se agarra ao poder com fome voraz. Ruy Costa que o diga! E para não cometer injustiças com os ex-companheiros da Bahia, o problema vem do norte. O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) cassou o mandato do deputado federal Cláudio Puty (PT). Ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O Ministério Público Eleitoral (MPE) acusou o parlamentar de compra de voto, abuso de poder econômico e conduta vedada nas eleições de 2010. Segundo o jornal O Globo, com base em investigações da Polícia Federal sobre um esquema de corrupção na Secretaria de Meio Ambiente do Pará, o MP apresentou três ações para pedir a cassação do petista. De acordo com os procuradores, documentos e escutas telefônicas revelaram a ligação de Puty, então chefe da Casa Civil do governo paraense, com o esquema. Segundo a investigação, ele utilizou seu cargo para conseguir apoio político e votos. Em troca, liberava autorizações definitivas de exploração florestal. Santa Marina nos proteja, e que a Justifica Federal diga logo, amém!