Exclusivo!

Polícia Militar faz cerco a veículos irregulares

Sargento PM Cunha palestra no CEJDS (foto: Landisvalth Lima) O comandante do destacamento da Polícia Militar de Heliópolis, Sargento C...

Novidade

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Os malversadores da res pública!


                                                    Landisvalth Lima
Um fato está passando de forma despercebida aos olhos do povo de Heliópolis e pode representar muito mais do que um livro inteiro sobre teorias conspiratórias. Soube esta semana, via telefone, que o diretor do Colégio Waldir Pires, professor Joseilson Alves, ou simplesmente professor Chinho, registrou queixa na Delegacia de Polícia de Heliópolis dando conta da falta de determinado patrimônio da escola. No mesmo telefonema, o leitor deste blogue me chamava atenção para uma nova modalidade de roubo do patrimônio público. O bem público é surrupiado e a autoridade é orientada a registrar queixa para que a investigação não recaia sobre o querelante.
Já estou informado de que vários bens públicos estão desaparecendo dos vários órgãos da administração municipal de Heliópolis. O caso do Waldir Pires é interessante porque não houve arrombamento. O Vice-Prefeito eleito Gama Neves chega a dizer que não é absurdo pensar até que, para se livrarem do problema, acusem servidores municipais adversários do prefeito como os que se apossaram do patrimônio público. Não quero com isso dizer quer o professor Chinho esteja fazendo tal jogo. Não é do seu feitio. Também não duvido que ele possa estar se defendendo de problemas futuros e não seria surpresa ainda que esteja obedecendo a ordens superiores, seguidor que é da ideologia pardalesca.
Fato é que temos que dar um basta a isso. O patrimônio público não pode ser dilapidado só porque o prefeito perdeu uma eleição. Os agentes administrativos são temporários e devem ser guardiães das coisas do povo. Vamos ficar atentos para estas artimanhas. Espero que os futuros administradores usem a força da lei para inibir tal comportamento e, ficando provado sua prática, recuperar aquilo que foi surrupiado do povo e punir os malversadores da res pública.
Farol das oposições
Gama Neves - Vice-Prefeito eleito

Ildinho - novo prefeito de Heliópolis
O município de Heliópolis volta a surpreender a nossa região. Dos 5 municípios da 82ª Zona Eleitoral, só Heliópolis elegeu um prefeito da oposição. Em Antas, Cícero Dantas, Fátima e Novo Triunfo os eleitos foram apoiados pelo prefeito ou foi o prefeito que se reelegeu. A dupla Ildinho e Gama é da pesada, enfrentou toda uma estrutura de poder e ainda a desbragada compra de voto. Foi uma vitória maiúscula!
Campeões de voto
O Ildefonso de Fátima foi o campeão de voto da região. Nego se reelegeu com um passeio sobre Roberto da Farmácia. Foram 3.550 votos de diferença. De quebra ainda fez 8 dos 11 vereadores. O campeão de votos para a Câmara Municipal foi Binho de Alfredo. Zezinho, presidente da Câmara de Fátima, ficou em segundo lugar.
Tripla derrota
Nos bastidores políticos de Heliópolis, dois senhores estão em baixa: Sorria e Zelito Ribeiro. Ambos apoiaram o PCdoB. Sorria foi mais sortudo porque tem ao seu lado a competência de Nego, mas Zelito perdeu feio. Perdeu a eleição pela terceira vez em Cícero Dantas e em Heliópolis. De quebra ainda não conseguiu eleger Carlinhos, o irmão, vereador. Será que estas derrotas farão estes “chefes políticos” olharem para a política do futuro?
Não é bem assim!
Quem está pensando que Ildinho está preocupado em fazer maioria na Câmara Municipal a qualquer custo está enganado. A filosofia é outra. Alguns dos vereadores da oposição, se quiserem aderir para ajudar a administração, serão bem vindos. Ildinho avisa que respeita a decisão das urnas e não vai continuar com esta política de compra de lideranças. Ele não vê problema algum trabalhar com 1 a menos. Afinal, o vereador não foi eleito para melhorar a vida do município?
Comissão de transição
Já está pronta a Comissão que irá promover a transição de poder em Heliópolis. Tudo está dependendo de um Decreto do alcaide derrotado. Os nomes na lista são Beto Fonseca, Mário Almeida, Landisvalth Lima, Professor Quelton, Zé do Sertão, Evanilson e Célio. Os sete indicados estão somente aguardando o sinal verde para começarem todo o processo, caso a administração atual queira fazer a coisa como manda o processo democrático.
Serra dos Correias
A maior surpresa desta eleição em Heliópolis foi a vitória do PCdoB no povoado Serra dos Correias. O partido foi até impedido de fazer comício no povoado. Isso porque o vereador Valdelício, reeleito, trocou a cadeira na Câmara Municipal por uma secretaria para dar lugar ao 1º suplente Sabiá. Em troca, o calçamento que seria para a Serra foi para o povoado Viuveira, base eleitoral de Sabiá. A promessa do PCdoB de calçar o povoado da base eleitoral de Valdelício não foi cumprida. No final, a Viuveira recebeu o calçamento e deu vitória a Ildinho e Gama, já que Sabiá aderiu à oposição. Já na Serra dos Correias, o PCdoB não só venceu como o povoado garantiu a recondução de Valdelício à Câmara novamente. Alguém pode entender o que ocorreu?
Agora é só uma 
A vereadora Ana Dalva (PPS) foi a única mulher a conseguir se eleger para um cargo público em Heliópolis nestas eleições. Na verdade, só ela e Valdilene, esposa do policial Wellington, disputaram a eleição para valer. A maior votação de Ana Dalva foi na sede. Só na Rua Isaías Ribeiro ela obteve mais de 60 votos. Nas urnas do povoado Riacho e da Cajazeiras, Ana Dalva ultrapassou 80 votos. Só em dois lugares Ana Dalva não acusou crescimento: no povoado Farmácia, onde nasceu, e no povoado Serra dos Correias.