Exclusivo!

Polícia Militar faz cerco a veículos irregulares

Sargento PM Cunha palestra no CEJDS (foto: Landisvalth Lima) O comandante do destacamento da Polícia Militar de Heliópolis, Sargento C...

Novidade

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Blogueira é presa em Cuba


Ela, o marido, o jornalista Reinaldo Escobar, e um outro blogueiro, Agustín Díaz, foram detidos quando seguiam para o julgamento de Angél Carromero
Da Redação do CORREIO
Yoani Sánchez - do blog "Generatión Y" - perseguida por Fidel.
A blogueira dissidente cubana Yoani Sánchez foi presa nesta quinta-feira (4) junto com seu marido, o jornalista Reinaldo Escobar, e um outro blogueiro, Agustín Díaz quando seguiam para o julgamento de Angél Carromero. O trio seguia para a região de Bayamo para acompanhar o julgamento do espanhol acusado pela morte de Oswaldo Payá quando foi rendido pelos policiais cubanos, segundo informaram ativistas. Carromero dirigia o carro no momento do acidente que matou o ativista Oswaldo Payá. O espanhol é acusado de homicídio em razão de imprudência. A promotoria pede pena de sete anos. O jornal espanhol “El País” diz ter confirmado a prisão de Yoani. Um outro amigo do casal afirma que a dissidente ligou para casa para avisar que havia sido detida em Bayamo. O julgamento contra Ángel Carromero deve começar ainda nesta sexta (5).  Um forte esquema de segurança. Apenas alguns repórteres foram autorizados a entrar no tribunal.
Yoani é proibida de vir a Bahia
Uma das principais vozes críticas ao regime no país foi proibida de vir ao Brasil participar do lançamento de um documentário do qual é uma das personagens centrais em fevereiro deste ano. A cubana pretendia participar, em Jequié, na Bahia, da pré-estreia do documentário “Conexão Cuba Honduras”, do documentarista baiano Dado Galvão, no qual é entrevistada. Adiada outras vezes devido à ausência de Yoani, a exibição do filme aconteceu sem a presença da cubana. "Não há surpresas. Voltaram a me negar a permissão de saída. É a vez de número 19 em que me violam o direito de entrar e sair de meu país", postou Yoani. Desde que criou o blog "Generatión Y", em 2007, Yoani teve 18 pedidos negados para deixar a ilha, três deles para vir ao Brasil onde, além de outros convites para a pré-estreia do filme, também tentou lançar seu livro “De Cuba com carinho” (Editora Contexto). A blogueira já havia recebido o visto de turista para visitar o Brasil, concedido pelo Ministérios das Relações Exteriores por meio da embaixada em Havana. Mas foi impedida mais uma vez pelo governo cubano. (Em tempo: Há inúmeras diferenças entre Heliópolis e Cuba, mas tanto lá como cá os blogues não são bem vistos pelos poderosos!)