Exclusivo!

Poço Verde nega título a Lula. E daí?

A cegueira ideológica impede a transformação real da sociedade (foto: porvir.org.) Dizem que o Brasil está tão dividido que é preciso ...

Novidade

domingo, 7 de agosto de 2011

Prefeito morre dois dias após assumir cargo

Morreu às 7h25 de hoje o prefeito interino de Teresópolis, na região serrana do Rio, Roberto Pinto (foto) - PR -, 67. Ele teve uma cardiopatia isquêmica (problema relacionado com a morte de células do tecido cardíaco) dois dias depois de assumir o cargo.
Pinto assumiu a prefeitura nesta sexta-feira (5), após o afastamento do prefeito da cidade, Jorge Mário Sedlacek, acusado de desviar verbas destinadas à reconstrução da cidade após desastres naturais ocorridos em janeiro. Após assumir o cargo, Pinto exonerou todos os secretários da prefeitura.
O corpo do político passou a manhã na capela mortuária do hospital São José, em Teresópolis, e foi encaminhado à prefeitura da cidade para ser velado, segundo a funerária responsável pelo atendimento. O enterro será às 18h. A prefeitura deve ser assumida pelo presidente da Câmara de Vereadores de Teresópolis, Arlei de Oliveira (PMDB).
O prefeito afastado disse que, "como pessoa", lamenta a morte de Pinto e se solidariza com a família do político. Sedlacek afirmou, porém, que não fará pronunciamento oficial sobre o futuro da política na cidade até que saia a decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro sobre o seu afastamento, o que diz esperar que seja feito nesta segunda-feria.
A CGU (Controladoria-Geral da União) e a Secretaria Nacional de Defesa Civil encontraram irregularidade na aplicação dos R$ 7 milhões que o governo federal enviou para a reconstrução de Teresópolis e a Câmara dos Vereadores de Teresópolis pediu o afastamento de Sedlacek por 90 dias.
Reportagem de MARCOS DE VASCONCELLOS – da Folha de São Paulo.