Exclusivo!

Poucas & Boas 2017.3

2020 já começou? Alguns políticos de Heliópolis precisam saber que 2020 só começa após 2018. Ou seja, os resultados de 2018 podem in...

Novidade

domingo, 28 de agosto de 2011

MEC gasta 97 mil por dia em eventos


O Ministério da Educação, comandado pelo pré-candidato do PT à prefeitura de São Paulo Fernando Haddad (foto), gastou em média R$ 97 mil por dia com a organização de eventos desde 2009, quando criou o Comitê de Eventos, que centralizou esse tipo de despesa. A beneficiada dos valores gastos, que chegam a R$ 94 milhões, é a FJ Produções, empresa alvo de inquérito civil público no Ministério Público Federal (MPF) e de operação da Polícia Civil do Distrito Federal por suspeita de superfaturamento e corrupção. Desde 2009, a empresa ganhou dois pregões eletrônicos para organizar seminários, fóruns e oficinas do Ministério da Educação, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e da Capes. Somente no ano passado foram R$ 50 milhões para a realização dos eventos. O valor faz da FJ Produções a empresa que mais recebeu recursos da Subsecretaria de Assuntos Administrativos da pasta, que teve um total de despesas de R$ 164 milhões. Em resposta à reportagem do Estadão, o Ministério da Educação disse que a FJ "comprovou todas as certidões negativas requeridas e não tinha impedimento para participar da licitação". Quanto ao número de eventos, afirma que entre 2009 e 2010 houve a consolidação do Plano de Desenvolvimento da Educação e a expansão das redes federais de ensino superior.
Informações do Bahia Notícias e do Estadão.