Exclusivo!

Polícia Militar faz cerco a veículos irregulares

Sargento PM Cunha palestra no CEJDS (foto: Landisvalth Lima) O comandante do destacamento da Polícia Militar de Heliópolis, Sargento C...

Novidade

domingo, 31 de julho de 2011

Mulher perdoa agressor que a deixou cega

Uma iraniana, que ficou cega após ser atacada com ácido perdoou, o agressor alguns minutos antes de ele ser punido com a perda da visão. Ameneh Bahrami ficou cega em 2005, quando Majid Mohavedi jogou ácido em seu rosto, após ela ter recusado um pedido de casamento. Em 2008, ele foi condenado a ser cegado dos dois olhos, a partir do princípio da retribuição, permitido nas leis do Irã. Segundo informações divulgadas na imprensa local neste domingo (31), apesar de lutar há sete anos para que o ex-pretendente receba a punição, a atenção internacional trazida pelo caso fez a vítima mudar de opinião. A iraniana não abre mão, porém, de receber 150 mil euros em indenização, já que seu rosto continua desfigurado mesmo após diversas cirurgias. O culpado já completou sete anos de prisão, mas não pode ser solto até pagar o valor estipulado.
Informações do Bahia Notícias.