Novidade

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Empresário de fachada quer apartamento de Palocci


O comerciário Dayvini Costa Nunes, 23, que teve seu nome usado em uma empresa de fachada, proprietária do apartamento onde vive de aluguel o ministro da Casa Civil Antonio Palocci, disse que irá reivindicar pelo dinheiro que está em seu nome. Ele aparece como dono do imóvel, que tem 640 m², localizado no bairro da Moema, em São Paulo, avaliado em R$ 6 milhões. Mesmo salientando que nunca foi sócio de qualquer empresa e não conhecer os imóveis dos quais seria dono, o comerciário salientou: “Eu fico feliz. Agora eu tenho dinheiro né? Vou poder pagar minha faculdade, quitar meu carro, comprar uma casa para minha mãe. Ué? Não está no meu nome? Se é meu, eu vou pegar para mim, né? Já que é meu”, afirmou, em entrevista ao site da Veja.